22 de agosto de 2013

Celebridades: Astro da série Prison Break assume ser gay e repudia lei contra homossexuais

Wentworth Miller, astro da série Prison Break, onde interpreta  Michael Scofield, saiu do armário. O ,de 41 anos, revelou, através de uma carta enviada ao Festival Internacional de Cinema de São Petersburgo, a sua profunda indignação pela forma como o governo russo tem tratado a comunidade gay, da qual, admite fazer parte.
“A situação não é aceitável e não posso participar de um evento cujo país anfitrião nega, sistematicamente, a pessoas como eu, os direitos básicos como o de viver e o de amar livremente. Talvez, quando as circunstâncias forem outras, eu possa adotar uma posição diferente”.
Miller assumiu assim  sua homossexualidade através dessa reação à lei aprovada em junho pelo parlamento russo, que proíbe “a proliferação de relações sexuais não tradicionais”, impondo multas a quem participe, por exemplo, de manifestações de orgulho gay.
Vários artistas famosos têm se manifestado contra essa lei, como Madonna e Lady Gaga, que vem sendo perseguidas pelo governo russo por terem se apresentado no país sem um visto adequado, mas na verdade o problema é que as estrelas pop defendem os direitos dos gays.
Desde o término de Prison Break, Wentworth vem fazendo filmes como Resident Evil 4: Recomeço e The Loft, ainda inédito.

Este Post é

0 Comentários:

Postar um comentário