14 de dezembro de 2014

Após o SBT ter editado a novela “Sortilégio” o Ministério da Justiça afirmar que beijo gay tem o mesmo tratamento que o beijo entre heterossexuais

image
Dias depois de o SBT ter editado a novela mexicana “Sortilégio”, transformando um casal gay em amigos, o Ministério da Justiça usou sua página oficial no Facebook para afirmar que o beijo gay tem o mesmo tratamento que um beijo dado entre heterossexuais.

“O beijo é Livre (ainda bem, né?). Para a Classificação Indicativa do MJ, é indiferente se o beijo é entre pessoas do mesmo sexo ou não. A nudez não erótica também pode ser considerada Livre”, garante o comunicado.

Ainda de acordo com a publicação, o mesmo acontece com as cenas de sexo: “Conteúdos mais erotizados – nudez velada, insinuação sexual e carícias sexuais, como preliminares ao ato sexual – podem ser “não recomendado para menores de 12 anos”. Nesse caso, também não faz diferença para a #ClassificaçãoIndicativa se as cenas são protagonizadas por pessoas do mesmo sexo.”

Na prática isso ainda não acontece. Algumas emissoras de TV ainda tratam o beijo gay como tabu.

Este Post é

0 Comentários:

Postar um comentário