2 de março de 2015

“Conexão Repórter” acerta na condução do tema de sua estreia aos domingos; saiba mais

cabrini_domingo
A estreia do “Conexão Repórter” aos domingos no lugar de Marília Gabriela poder ser considera um dos principais acertos dos executivos ligados à grade do SBT.

O jornalístico comandado por Roberto Cabrini ampliou em 103% a audiência desta faixa de programação ao atingir 6.9 de média, contra 9.1 da Globo e 5.4 da Record. Os bons números apontam que o programa não se prejudicou por ser exibido após o “Fantástico”, na Globo, e “Domingo Espetacular” e “Repórter em Ação”, na Record. Muito pelo contrário, já que conseguiu aumentar a participação do SBT.

Para a estreia do novo horário, Roberto Cabrini apostou no episódio “A Um Passo da Eternidade”. O tema delicado (pessoas que estão com doenças terminais) foi tratado com delicadeza e respeito aos pacientes, emocionou o telespectador sem ser piegas e serviu como lição para muitos telespectadores.

Além dos pacientes, Cabrini mostrou os profissionais que atuam para fazer da reta final de uma doença terminal um período menos dolorido. O programa deste domingo foi uma prova de que o jornalismo pode transitar pelas emoções sem ferir a ética, pode caminhar pela navalha afiada da emoção.

A equipe do “Conexão Repórter” já sabe que, neste novo horário, também terá que abordar assuntos mais suaves ou de comportamento, que podem funcionar muito bem no final do domingo.

Fonte Parabolica

Este Post é

0 Comentários:

Postar um comentário