28 de março de 2015

Nordestv realizou encontro com "SBTistas" para divulgar a data da digitalização do sinal da emissora no Ceará

Pelo terceiro ano consecutivo, os SBTistas, como são chamados os fãs do SBT, se reuniram para saber em primeira mão das novidades relacionadas a Nordestv, sua afiliada no Ceará. O Encontro de SBTistas na Nordestv aconteceu na tarde da última quinta-feira (26), na nova sede da emissora, no bairro Aldeota, em Fortaleza.

Na ocasião, foram apresentados a nova campanha e novos formatos do canal, que foram repaginados devido à chegada do sinal digital da emissora, previsto para o começo de abril. Os fãs conheceram ainda os novos estúdios, todos dentro da nova comunicação visual, repórteres e apresentadores, e participaram ao vivo do programa "Pode Contar".
A digitalização do sinal é o ponto principal da nova fase da emissora. A partir desse processo de melhoria na qualidade da imagem, é que foram pensados a nova campanha, cenários e layouts que já começaram a ser utilizados na programação. A primeira cidade que recebeu a digitalização foi Sobral, sede da emissora, em setembro de 2014.

De acordo com o Gerente de Marketing do Sistema Jangadeiro, Justino Barros, o momento é de alegria. “Toda a comunicação visual foi reestruturada para receber o sinal digital. Dar essa informação de inicio aos fãs do SBT e Nordestv é de suma importância para nós todos. Esse perfil de família, típico do SBT, cativou os fãs da Nordestv”.
Pelo terceiro ano consecutivo, os chamados SBTistas, como são chcmados os fãs do SBT, se reuniram para saber em primeira mão das novidades relacionadas a Nordestv, sua afiliada na capital cearense. (FOTO: Marianna Gomes/ Tribuna do Ceará)
O estudante Yuri Vasconcellos, 19 anos, é fã do SBT desde a infância, e por consequência tornou-se telespectador fiel da Nordestv. Para ele, estar presente no encontro pela segunda vez é um privilégio. “O que eu mais gosto da Nordestv é a programação que interage com os telespectadores. Esse é o maior diferencial da emissora, e que fideliza realmente seus fãs”, pontua.

A emissora cobre Fortaleza, Região Metropolitana e Região Norte do Estado. A pretensão, com a chegada do sinal digital, é de chegar a todo o Estado. O diretor da Nordestv, Adriano Gonçalves, explica que o processo de digitalização de um sinal de TV exige procedimentos burocráticos, e que levam tempo, principalmente por conta da fase de testes. “Os trâmites para esse tipo de procedimento devem ter legalidade comprovada. Muitas das peças que chegam para a montagem dos transmissores são importadas”.

Antes da chegada na casa nova, em janeiro, a emissora ousou na escolha do local de trabalho, e aceitou o desafio de trabalhar dentro de um contêiner, antes localizado no bairro Cocó. Para Adriano, cada dia é um grande desafio para manter-se entre uma das TVs mais lembradas do Ceará. “A vinda para esse novo prédio é um marco para todos nós que fazemos a Nordestv, já que viemos daquilo que podemos chamar de fora do convencional”, comenta.

De acordo com o diretor, o modelo de relação direta com os fãs, por meio do encontro, foi algo pensado pela equipe como forma de inovar na interação com os telespectadores. “Fazemos questão de que nossos fãs fiquem sabendo de tudo que acontece na emissora. Nossas redes sociais são uma das principais ferramentas que usamos para isso. A ideia desse encontro foi pensada a partir do modelo de interação que o SBT tem com seus fãs”, conclui.

Este Post é

0 Comentários:

Postar um comentário