15 de abril de 2015

SBT aproveita queda de Babilônia para 'cozinhar' a Globo aos sábados

O SBT estreia a segunda temporada do Cozinha sob Pressão no próximo dia 25 em novo horário, para bater de frente com Babilônia, novela das nove da Globo com a pior audiência da história. O reality show culinário continua aos sábados, porém muda das 18h15 para 21h30 dentro da estratégia de conquistar telespectadores da Globo e levantar a audiência da emissora no horário nobre, em que disputa ponto a ponto a vice-liderança com a Record.

A emissora fez um estudo de programação que apontou a oportunidade de crescimento de audiência na faixa das 21h15 aos sábados, quando Babilônia tem o pior desempenho. "Identificamos que o perfil do público desse programa tem mais chances de ser mais visto nessa faixa de horário", diz Glen Valente, diretor comercial e de marketing do SBT.

Durante o lançamento do programa para jornalistas, na manhã desta quarta-feira (15), o chef Carlos Bertolazzi, que comanda a atração, e Daniela Busoli, CEO da FremantleMedia (detentora do formato), ressaltaram que Cozinha sob Pressão é um programa para a família porque "não tem bunda nem sexo".

A segunda edição do reality terá mais participantes do que a anterior: aumentou de 14 para 16 cozinheiros profissionais e amadores. Outra novidade é um aplicativo para celular com receitas da atração e outras exclusivas de Carlos Bertolazzi. O download custará R$ 0,99.

A primeira edição de Cozinha Sob Pressão, em um horário considerado micado, marcou seis pontos de média na Grande São Paulo e ficou atrás da Record. Teve mais audiência do que MasterChef, da Band, porém repercutiu menos.

Este Post é

0 Comentários:

Postar um comentário