2 de novembro de 2016

Chefe do “Hell’s Kitchen” detona jurado do “MasterChef”: “Maltrata os funcionários”

Danielle-Dahoui-620x413
A chefe Danielle Dahoui, primeira mulher a comandar uma temporada do “Hell’s Kitchen”, concedeu uma entrevista ao portal “UOL” onde teceu duras críticas a Erick Jacquin, um dos jurados do “MasterChef”, da Band. A nova contratada do SBT afirmou que o colega de profissão não é querido pelos ex-funcionários.

“Eu amo a Paola [Carosella] e o Henrique [Fogaça]. Os dois. Não gosto muito do [Erick] Jacquin e do que ele representa. É uma pessoa que maltrata os funcionários e que tem processos trabalhistas. Ele faliu restaurantes e saiu devendo todo mundo”, afirmou Danielle. Ela acrescenta ainda que quase todos que trabalham no meio sabem dessas histórias.

“Eu já tive colaboradores dele. Qualquer chef de cozinha que você conversar sabe disso. Agora ele vai apresentar um programa em que ajuda a salvar restaurantes ["Pesadelo na Cozinha", baseado no formato britânico "Kitchen Nightmares"]. Mas como uma pessoa que faliu todos os restaurantes em que trabalhou, que tem milhões de processos trabalhistas, vai fazer um programa desses? É tudo muito falso. Isso sempre me cansou na mídia e nos produtos que são vendidos. É tanta coisa tão de mentira…”, completou.

Dahoui foi casada com o ex-jogador Raí, pai de sua filha Noah, de 11 anos. Na mesma entrevista, ela ainda revelou que recusou propostas na TV na época do romance justamente para evitar comentários maldosos. “Eu não queria ficar conhecida como a namorada do jogador de futebol que iria apresentar um programa”, declarou.

Este Post é

0 Comentários:

Postar um comentário