8 de novembro de 2016

Mundo: Hillary vence em Guam, ilha que tem tradição de revelar presidente eleito

A candidata democrata, Hillary Clinton, vota em Chappaqua, Nova York (Foto: Andrew Harnik/AP Photo) 
A candidata democrata à presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton, venceu o republicano Donald Trump em Guam, no Oceano Pacífico. Apesar de não ser considerada na contagem final de votos, a ilha tem a tradição de prever quem é o vencedor das eleições. Nos últimos 32 anos, acertou o candidato que ocuparia o posto - a única exceção foi em 1996, quando um tufão impediu a votação. 

Apurados os 32.071 votos depositados nas urnas da ilha, que está 15 horas à frente do horário de Washington, Hillary recebeu 71,63% do apoio contra 24,16% de Trump. 

Os votos de Guam, apelidada de "o local onde o dia começa nos Estados Unidos", são simbólicos, já que o território não tem representação no sistema de colégio eleitoral e não fornece delegados para determinar quem será o próximo presidente. 

A ilha de Guam é um dos cinco territórios que pertencem aos EUA com governo próprio. Os cidadãos nascidos ali passaram a ser considerados americanos a partir de 1950. Apesar disso, como não é um estado, os votos dos habitantes contam apenas nas eleições primárias.

Este Post é

0 Comentários:

Postar um comentário